Shuffleboard: o esporte que surgiu com moedas sendo jogadas em grandes mesas

O shuffleboard entra como esporte de precisão. Ele é individual. Também tem discos e tacos. Usa como estrutura uma pista e acumula pontos. Ainda não sabe do que estamos falando? A verdade é que é um esporte bem diferente mesmo e que surgiu de um fato inusitado.

ANÚNCIO

Sim, como falamos no título: a partir de moedas sendo jogadas em grandes mesas, nos palácios antigos da Inglaterra. Vamos contar mais dessa história no próximo tópico e vamos mencionar também como é que o esporte é praticado atualmente. Conheça mais dele.

Shuffleboard: o esporte que surgiu com moedas sendo jogadas em grandes mesas
Foto: (reprodução/internet)

Confira os principais tópicos deste artigo:

  • A história do shuffleboard;
  • Como acontecem o jogo do shuffleboard;
  • Como é a quadra de shuffleboard;
  • Como jogar o shuffleboard;
  • O que não se deve fazer no shuffleboard;
  • Campeonatos mundiais de shuffleboard.

A história do shuffleboard

Acredita-se que o esporte tenha surgido no século 15 durante o reinado de Henrique IV na Inglaterra. Isso aconteceu quando ele lançou 4 moedas grandes (groats) sobre a grande mesa que tinha em seu castelo. Assim, a ideia era a de chegar o mais próximo da borda.

ANÚNCIO
Shuffleboard: o esporte que surgiu com moedas sendo jogadas em grandes mesas
Foto: (reprodução/internet)

Só que não valia se a moeda caísse ao chão, obviamente. Devido às motivações da época, o jogo recebeu o nome de “slide-groat” ou “shove-groat”. O fato é que alguns anos depois, já no reinado do Henrique VIII, a prática foi proibida e o motivo era óbvio.

Os arqueiros passavam mais tempo jogando do que treinando para as batalhas. Por isso, o esporte começou a ganhar forças na informalidade, passando a ser jogado em tavernas e pubs, como uma forma de entretenimento entre os clientes. 

Das moedas para os discos

Mais tarde, no século 19, os passageiros de cruzeiros começaram a praticar o jogo no convés dos navios como forma de passar o tempo. Assim, ele passou a usar discos e tacos de madeiras, já que as moedas não eram tão fáceis de serem encontradas. 

ANÚNCIO

Foi assim que surgiu a modalidade do suffleboard que conhecemos hoje. Só que ele ainda era jogado em mesas enquanto hoje acontece no chão. No ano de 1913, no Lyndhurst Hotel, na Flórida, os donos que conheceram o jogo no navio começaram a praticar com os hóspedes.

Dessa forma, a novidade fez sucesso e a partir disso o jogo se espalhou por toda região e estados norte-americanos. No entanto, como não tinha entidades e nem federações, as regras eram criadas e adaptadas conforme o local, os jogadores e os acessórios usados. 

O primeiro clube de shuffleboard

Algum tempo depois, surgiu a Florida Shuffleboard Association, que serviu para padronizar as normas do esporte, bem como os objetos de uso e as medidas da quadra onde é praticada a modalidade. Desde então o esporte passou a usar tacos e discos, modernizando-se conforme as novas tecnologias. 

Shuffleboard: o esporte que surgiu com moedas sendo jogadas em grandes mesas
Foto: (reprodução/internet)

A época mais popular do esporte foi em meados do século 20, quando a Flórida chegou a ter mais de 200 clubes de shuffleboard e com 75 mil jogadores. Mas, entre 1970 e 1980, o esporte foi praticamente esquecido. E voltou a ser lembrado durante os anos 2000.

Para tentar reacender o fogo do Shuffleboard até surgiu a International Shuffleboard Association, em 1979, também na Flórida. O objetivo era internacionalizar o esporte, com torneios mundiais. E a primeira edição foi em 1981, com Estados Unidos, Canadá e Japão.

O jogo do shuffleboard hoje

Atualmente, o objetivo do jogo é lançar discos usando um taco para uma zona de pontuação formada por um triângulo com divisões. Esse desenho fica no lado oposto de quem joga o disco. É possível acertar os discos adversários para deixá-los mais longe dos maiores pontos. 

Assim sendo, é uma espécie de bocha ou malha, como conhecemos hoje. No entanto, há algumas diferenças. Por exemplo, para que o disco valha o ponto é preciso que esteja totalmente dentro da área de pontuação, que varia de +10 até -10 pontos. 

Se ele ficar sobre a linha, mesmo que por alguma pequena parte, o disco não pontua. Geralmente, os discos são divididos por cores que representam as equipes: amarelo e preto. Cada jogador tem direito a lançar 8 discos para que se termine uma rodada. E são 2 rodadas.

A quadra de shuffleboard

Com base nas regras da Federação que foi criada, considere que a unidade de medida usada para a quadra é chamada de pé. Assim, o comprimento total é de 51 pés, o que dá, na tradução mais simples, algo como 16 metros, considerando todas as áreas. 

Shuffleboard: o esporte que surgiu com moedas sendo jogadas em grandes mesas
Foto: (reprodução/internet)

Já a largura da quadra mede 6 pés, o que fica próximo de 2 metros. Lembrando que cada canto ainda tem uma área de recuo de 1 pé ou 2,5 metros de largura para os corredores. De modo geral, o espaço total necessário para o shuffleboard é de 16 metros por 2,5 metros. 

Só para complementar a ideia, considere que em uma partida de shuffleboard são considerados 8 discos, sendo 4 para cada time. Cada disco tem 15 centímetros de diâmetro. Além disso, cada jogador tem o seu taco, que mede até 1,90 metro de comprimento. 

Shuffleboard de mesa

O shuffleboard de mesa é uma variação tanto do original como da versão histórica. E o que muda é a pista, que é uma mesa, obviamente. Só que é uma mesa preparada para o esporte. Ela tem 3,35 metros de distância, 87 centímetros de altura e 50 centímetros de largura. 

Atualmente, dá até para comprar essa mesa na internet. Sendo que em alguns sites online dá para encontrar por preços acessíveis, abaixo dos R$ 500. Só que o jogo acaba sendo mais amador. Já as mesas oficiais são bem mais caras e vendidas em lugares específicos. O shuffleboard de mesa

Como jogar o shuffleboard

Para quem está conhecendo o esporte agora ou já viu, mas nunca jogou, considere que há uma técnica de lançamento que é indicada para o esporte. É sobre lançar o disco. Assim, o passo a passo costuma ser simples e vamos indicar aqui para você entender. 

Shuffleboard: o esporte que surgiu com moedas sendo jogadas em grandes mesas
Foto: (reprodução/internet)

Primeiro, posicione o corpo naturalmente e ereto com os pés juntos. Fique alinhado com a direção do lançamento. Depois, encoste o taco no disco, segurando a ponta do taco com uma única mão. Em seguida, ajeite o corpo, mire e dê dois passos para lançar. 

Esse lançamento se dá com uma espécie de empurrão no disco. Por isso, a dica é que você não desvie o taco da direção inicial que tinha pensado e não flexione o cotovelo também. A dica é que seja um movimento longo e contínuo com o braço e respeite e a primeira linha, sempre.

O que não se deve fazer no shuffleboard

Há algumas regras que ainda que não sejam obrigatórias devem ser seguidas para que o jogo aconteça de forma saudável. A gente vai listar aqui as principais. Por exemplo, evite pisar ou andar sobre a quadra. O mesmo vale para arrastar discos em outras superfícies. 

Quando cada rodada termina é preciso anotar os pontos. Após isso, é bacana reposicionar os discos com a ponta emborrachada do taco, caminhando pelos corredores laterais e não pelo meio da quadra. Para saber sobre o ponto é preciso olhar o disco por cima.

Ah, e tem uma área chamada de “dead zone”. Ela é como o meio da pista. Então, quando alguém joga um disco que para ali, a ideia é que ele seja retirado do jogo para não atrapalhar as próximas jogadas. Geralmente, isso não acontece em competições internacionais. 

Os campeonatos mundiais de shuffleboard

Em alguma parte do texto, a gente mencionou que o campeonato mundial desse esporte começou em 1981 nos Estados Unidos, lembram? E saiba que todos os anos a competição continuou acontecendo. Sendo que até 1987 foram todas em solo americano.

Shuffleboard: o esporte que surgiu com moedas sendo jogadas em grandes mesas
Foto: (reprodução/internet)

Em 1988 aconteceu no Japão. E até o ano de 2020, o esporte teve o seu mundial passando ainda por países como Canadá, Austrália, Brasil, Áustria. Só que tem uma curiosidade aqui, entre 1981 e 2008, ele foi disputado somente por equipes. Mas a partir de 2009 mudou.

Assim, passou a ser disputado também na modalidade individual, sendo que a cada 2 anos se intercala com a modalidade de equipes. O primeiro é em anos ímpares e o outro em anos pares. E tem outra curiosidade sobre a competição, que tem a ver com os países participantes.

Quem participa dos jogos mundiais de shuffleboard

Também considerando a história que contamos lá no começo, saiba que o primeiro mundial aconteceu em 1981 e contou com apenas 3 seleções: Estados Unidos, Canadá e Japão. Depois, em 1991, a Austrália também começou a participar. 

Os próximos a entrarem nos jogos foram os brasileiros, em 1997. Os alemães vieram mais tarde, em 2006. E os noruegueses em 2011. Dois anos depois, foi a vez da Rússia entrar no mundial de shuffleboard. Em 2015 foi o Reino Unido e em 2017 a Áustria.

St. Pete Shuffle

Esse é um dos clubes mais antigos do mundo sobre o esporte. Ele é um dos que mais tem associados, inscritos, campeonatos, jogos e tudo mais. É uma verdade referência mundial. Para se ter ideia, há jogos praticamente todos os dias. 

O próximo torneio a ser realizado é o de São Petersburgo, que acontecerá em março. Quem quiser também pode alugar o clube para fazer o próprio evento. O associado ainda tem benefícios como jogar shuffleboard de graça, conseguir descontos em compras e participar de torneios.