Relembre quais foram os atletas mais bem pagos das Olimpíadas de 2016

Os Jogos Olímpicos de 2016 aconteceram no Brasil, no Rio de Janeiro e foram um dos mais ricos entre todas as edições. Ao menos, para alguns atletas que receberam muita grana, seja dos seus salários ou dos patrocínios. 

ANÚNCIO

Nas próximas linhas, você vai ver alguns nomes que foram bem cotados pelas marcas para apresentar bonés, marcas de roupas ou mesmo para patrocinar postagens no Instagram. São atletas de alto nível, conhecidos e, claro, que estão cada vez mais ricos. Veja quem foram os mais bem pagos.

Relembre quais foram os atletas mais bem pagos das Olimpíadas de 2016
Foto: (reprodução/internet)

14- Rickie Fowler (Golfe)

O Rickie é um norte-americano que teve um ganho total de US$ 18,5 milhões naquele ano. Já em termos de salário ou pagamentos, com base nas Olimpíadas do Rio, em 2016, o valor é de US$ 7,5 milhões. Só de patrocínio ele recebeu US$ 11 milhões, como da Puma, por exemplo.

Relembre quais foram os atletas mais bem pagos das Olimpíadas de 2016
Foto: (reprodução/internet)

Atualmente, ele joga na PGA Tour, que é uma organização que reúne os jogadores profissionais de golfe dos Estados Unidos. Ele tem 32 anos e entre os anos de 2000 e 2008 foi considerado o golfista amador número 1 do mundo, onde ficou por 37 semanas. 

ANÚNCIO

13- DeAndre Jordan (Basquete)

É isso mesmo que você leu: “Jordan”. Saiba que o jogador norte-americano de basquete também é um dos mais ricos. Ou, pelo menos, foi durante os jogos olímpicos do Rio de Janeiro. Ele teve um ganho total de US$ 20,5 milhões, sendo US$ 750 mil só de patrocínio.

Relembre quais foram os atletas mais bem pagos das Olimpíadas de 2016
Foto: (reprodução/internet)

Além do mais, o salário ficou em US$ 19,7 milhões. Hoje em dia, ele joga pelo Brooklyn Nets na NBA. A história dele é bem legal, já que jogou no Texas A&M do basquete universitário dos Estados Unidos antes de ir para o Los Angeles Clippers no draft de 2008. Aliás, ele foi campeão olímpico em 2016 no baquete masculino.

12- Jimmy Butler (Basquete)

Parceiro de seleção do Jordan, o Butler também é um jogador de basquete norte-americano que teve um ótimo pagamento em 2016. O ganho total foi de US$ 20,6 milhões e salário ficou em US$ 19,9 milhões, sendo que o patrocínio foi de US$ 750 mil. 

ANÚNCIO
Relembre quais foram os atletas mais bem pagos das Olimpíadas de 2016
Foto: (reprodução/internet)

Pelo clube, o jogador atua no Miami Heat e também começou a vida no universitário, no Tyler Junior College. Ele foi para o Marquette University e depois escolhido no draft da NBA pelo Chicago Bulls, em 2011. Foi 5 vezes o All-Star da NBA e o jogador que mais evoluiu em 2015. 

11- Andy Murray (Tênis)

Para variar um pouco a lista, a gente tem agora um craque do tênis. Ele é do Reino Unido e é conhecido como Murray. Teve um ganho total de US$ 23 milhões em 2016, durante as Olimpíadas, sendo US$ 8 milhões de salário e US$ 15 de patrocínio.

Relembre quais foram os atletas mais bem pagos das Olimpíadas de 2016
Foto: (reprodução/internet)

Aqui tem uma novidade: ele ganhou mais de patrocínio do que de salário, certo? Isso é bem comum em alguns esportes, especialmente no tênis. Para quem não sabe, os atletas mais bem pagos do mundo estão no tênis e recebem mais de patrocínio do que salário mesmo.

10- Paul George (Basquete)

Votamos à programação normal: o basquete aparece de novo como esporte. Só que dessa vez o nome do jogador é Paul George, que também é dos Estados Unidos e recebeu pouco mais do que US$ 24,1 milhões nos Jogos, sendo a maior parte US$ 17,1 milhões de salário. 

Relembre quais foram os atletas mais bem pagos das Olimpíadas de 2016
Foto: (reprodução/internet)

Portanto, é outro campeão olímpico e que defende o Los Angeles Clippers na NBA. Ele foi selecionado no draft de 2010 pelo Indiana Pacers e jogou pelo Oklahoma City Thunder antes de ir para o Clippers. 

9- Kryrie Irving (Basquete)

De novo, o basquete. De novo, os Estados Unidos. De novo, um campeão olímpico de 2016. O Irving ganhou US$ 27,6 milhões, sendo US$ 16,6 milhões de salário e pouco mais do que US$ 11 milhões de patrocínio. 

Relembre quais foram os atletas mais bem pagos das Olimpíadas de 2016
Foto: (reprodução/internet)

Ele é um jogador jovem, com 28 anos, que além do ouro olímpico também tem um mundial da Espanha, em 2014 e uma Copa América Sub-18 em San Antonio, em 2010. Atualmente, o jogador está no Brooklyn Nets, jogando pela NBA.

8- Serena Williams (Tênis)

Lembra que a gente falou que o tênis é o esporte que faz mais atletas ricos no mundo? Serena Willians é considerada a segunda mulher mais bem paga de todo o esporte e só perde para outra tenista, uma japonesa. Já essa norte-americana ganha muito de patrocínio.

Relembre quais foram os atletas mais bem pagos das Olimpíadas de 2016
Foto: (reprodução/internet)

Só durante os jogos olímpicos do Rio, ela recebeu US$ 20 milhões dessas parcerias, sendo que teve mais quase US$ 9 milhões de salário. O ganho total foi de quase US$ 30 milhões. Bacana, não? Mas vamos combinar: ela é um ícone no tênis feminino, sendo a maior vencedora.

7- Carmelo Anthony (Basquete)

E para não perder a mania, você sabe: basquete, Estados Unidos, campeões olímpicos de 2016. Só que agora o nome é de Anthony, que teve ganhos superiores aos US$ 30 milhões, sendo que mais do que US$ 22 milhões veio de pagamentos e salários.

Relembre quais foram os atletas mais bem pagos das Olimpíadas de 2016
Foto: (reprodução/internet)

Com 36 anos, ele é um dos maiores campeões da NBA e pela Seleção Norte-Americana. Por exemplo, além dos Jogos de 2016, ele também venceu o de Londres e o de Pequim, em 2012 e 2008, respectivamente. Hoje, atua pelo Portland Trail Blazers. 

6- Usain Bolt (Atletismo)

E quem é que não conhece o Bolt, amigos? O homem mais rápido do mundo é um jamaicano de sorriso fácil e que ganhou US$ 32,5 milhões nos Jogos do Rio. Só que aqui entra uma das maiores curiosidades desse texto. Por isso, leia com atenção. 

Relembre quais foram os atletas mais bem pagos das Olimpíadas de 2016
Foto: (reprodução/internet)

Dos US$ 32,5 milhões, saiba que US$ 30 milhões veio de patrocínios. Ou seja, o salário dele é baixo, sendo de US$ 2,5 milhões. Acredita? Mas dá para entender: o atletismo está longe de ser um esporte que tem bons salários se comparados com outros, como basquete, né. 

5- Kei Nishikori (Tênis)

E você pode estranhar esse nome, mas não o esporte. Variando entre basquete e tênis, agora voltamos a esse esporte de raquete e bolinhas. O nome é do japonês Kei, que teve ganho total de US$ 33,5 milhões durante essa época de jogos diários. 

Relembre quais foram os atletas mais bem pagos das Olimpíadas de 2016
Foto: (reprodução/internet)

Mas, a maior parte, assim como Bolt, veio dos patrocínios, sendo US$ 30 milhões. Curiosidades a parte, ele tem 31 anos e é o primeiro japonês a atingir o top 10 do ranking mundial de tênis. Sendo o segundo a chegar em uma semifinal de Grand Slam e o primeiro a chegar na final. 

4- Rafael Nadal (Tênis)

O Rafael Nadal sempre é lembrado quando o assunto é sobre o tênis. Sobre dinheiro também. Ele sempre aparece na lista dos mais ricos. E um bom exemplo é que o espanhol ganhou US$ 37,5 milhões durante os Jogos Olímpicos de 2016. 

Relembre quais foram os atletas mais bem pagos das Olimpíadas de 2016
Foto: (reprodução/internet)

Assim, foram US$ 32 milhões só de patrocínio, como a gente sabe no tênis o salário é bem mais baixo do que os patrocínios. O “gladiador”, como é chamado, tem 97 títulos em nível ATP e atualmente é o 2º melhortenista do mundo.

3- Neymar (Futebol)

Entrando no top 3 dos jogadores mais bem pagos das Olimpíadas, a gente tem algumas curiosidades. Primeiro que estamos falando do futebol, depois de um brasileiro e, para continuar, se um ganho total (US$ 36,5 milhões) que vem em maior parte do patrocínio.

Relembre quais foram os atletas mais bem pagos das Olimpíadas de 2016
Foto: (reprodução/internet)

Só de patrocínio das empresas, o craque do PSG ganhou US$ 23 milhões. Atualmente, ele está na lista dos jogadores mais bem pagos do futebol mundial, sendo que sempre aparece em negociações milionárias entre clubes. Apesar de polêmico, ele ganha muito dinheiro. 

2- Novak Djokovic (Tênis)

Você lembra que quando citamos o Nadal falamos que ele é o 2 do mundo? Então, ele só perde para o Djokovic, que é um servo que é o melhor do mundo. Além disso, ele é bem rico e já chegou a ser assunto quando comprou uma produção inteira mundial de queijos.

Relembre quais foram os atletas mais bem pagos das Olimpíadas de 2016
Foto: (reprodução/internet)

O ganho total foi de US$ 55,8 milhões, sendo US$ 34 milhões de patrocínios e US$ 21,8 milhões de pagamentos. O atleta tem 33 anos e tem 9 Open da Austrália, 1 Roland Garros, 5 Wimbledon, 3 US Open e títulos que não acaba mais. 

1- Kevin Durant (Basquete)

E a gente não poderia fechar a lista com o basquete, certo? Kevin Durant é um ícone dentro das quadras e fora delas. Tanto é que as empresas brigam para patrocinar o cara. Inclusive, só de patrocínio levou US$ 36 milhões no Rio. E no total o ganho foi de US$ 56,2 milhões. 

Relembre quais foram os atletas mais bem pagos das Olimpíadas de 2016
Foto: (reprodução/internet)

O ala-pivô tem 32 anos e o ouro do Rio e de Londres. Além disso, tem o mundial de 2010, na Turquia também. Pelos clubes, ele começou a carreira no Super Sonics e logo foi para o Golden State Warriors, onde fez sucesso grande. Atualmente, está no Brooklyn Nets. 

Os atletas mais bem pagos do mundo

Curiosamente, saiba que essa lista também traz alguns nomes dos atletas mais bem pagos do mundo. Por exemplo, conforme a última pesquisa que saiu, entre eles, tem os jogadores de tênis e alguns atletas do futebol. 

Uma curiosidade é que os esportes individuais tendem a ser mais indicados para jogadores que ganham muito dinheiro com patrocínios. Enquanto que os esportes coletivos podem pagar mais em termos de salários. E tudo isso você viu nos exemplos acima.