Hóquei Subaquático – Saiba tudo sobre esse curioso esporte

Disputar um jogo de hóquei não é moleza. Isso exige muito treino e o conhecimento das regras do esporte. Agora, imagine só praticar o hóquei embaixo da água. É isso mesmo, esse esporte existe e tem o nome de hóquei subaquático. Inclusive, tem até um campeonato mundial.

ANÚNCIO

A modalidade é diferente e chegou a aparecer em vários textos que citam os esportes mais estranhos do mundo. No entanto, há uma boa história por trás disso. E vamos combinar: se você conhecer as regras e como ele funciona pode ser até que comece a praticar também. 

Hóquei Subaquático - Saiba tudo sobre esse curioso esporte
Foto: (reprodução/internet)

Esses serão alguns dos tópicos que vamos comentar nesse artigo:

  • Entendendo o hóquei;
  • A história do hóquei subaquático;
  • O hóquei subaquático hoje;
  • Como funciona o hóquei subaquático;
  • Os equipamentos do hóquei subaquático;
  • Para quem é esse esporte;
  • Tem juiz no jogo?;
  • Os treinamentos do hóquei subaquático;
  • Os últimos campeões do hóquei subaquático;
  • Curiosidade – o Rugby Subaquático;
  • Os esportes subaquáticos.

Entendendo o hóquei

Como o nome sugere, o hóquei subaquático é uma variação do hóquei, certo? Então, antes de dar o primeiro passo para entender esse novo esporte, nós vamos mencionar, brevemente, o mais antigo, que é, inclusive, olímpico e surgiu na Inglaterra durante o século 19.

ANÚNCIO
Hóquei Subaquático - Saiba tudo sobre esse curioso esporte
Foto: (reprodução/internet)

Atualmente, dá para jogar hóquei na quadra, que é o mais comum. Mas também dá para praticar na grama ou no gelo, que são versões que mudam o campo de batalha, só que mantém boa parte das regras, por exemplo, o uso de patins e de stikes (tacos).

Outra coisa que não muda é que tem um disco, que é como a bola de futebol, que precisa ser levada até o gol adversário. Obviamente, é um esporte completo se a gente considerar que as equipes precisam ter técnica, agilidade, inteligência, habilidade e treinamento. 

A história do hóquei subaquático

A criação aconteceu em 1954. Ou seja, se a gente considerar os outros esportes, como os olímpicos, vamos ver que é um esporte bem recente. Aliás, sobre as regras não há tantas mudanças assim, se a gente levar em conta o hóquei na grama ou no gelo. 

ANÚNCIO

O nome por trás do esporte é do inglês Alan Blake. O que ele queria era muito simples: entreter os mergulhadores durante o inverno. Então, criou o que ficou chamado, na época, de “octopush”. 

Desde então o hóquei subaquático se modificou em equipamentos e jogadores. O que não mudou muito foi a ideia de marcar o gol, ou seja, jogar o disco para dentro do gol, que é uma espécie de calha com 3 metros de comprimento. 

O hóquei subaquático nos dias atuais

Não se sabe exatamente quais foram as primeiras regras dele. Porém a gente sabe que hoje o jogo acontece no fundo da piscina e tem duração de 30 minutos, sendo 2 tempos de 15 minutos. Mas, obviamente, ninguém precisa ficar embaixo da piscina esse tempo todo, ok?

Hóquei Subaquático - Saiba tudo sobre esse curioso esporte
Foto: (reprodução/internet)

Outra coisa é que o disco é feito de chumbo e pesa, na média, 1,5 quilos. Outra coisa que é histórica e serve para os praticantes atuais tem a ver com a dosagem do fôlego. Ou seja, ninguém consegue estar o tempo todo embaixo da água, por isso, a dica é medir o esforço.

Apesar de ter nascido na Inglaterra, hoje em dia há outros países que se tornaram referência no esporte, como é o caso da França, da Holanda e do Reino Unido, que são as maiores potências. Depois, ainda vem a Austrália, Colômbia, Nova Zelândia, Estados Unidos.

Como funciona o hóquei subaquático

Basicamente, a gente tem uma disputa que é formada por duas equipes de 6 jogadores cada uma. Cada atleta usa um taco pequeno, que é chamado de stick. E eles podem tocar ou carregar o disco até que cheguem ao gol adversário. O objetivo é sim marcar o gol. 

A curiosidade está no fato de ser um jogo que acontece debaixo da água. A piscina costuma ter 25 metros por 15 metros e com até 3,65 metros de profundidade. Obviamente, ninguém pode usar cilindro de ar, ok? Mas, há acessórios permitidos sim. 

Por exemplo, a máscara de mergulho, as nadadeiras e o snorkel. Agora, sobre os requisitos, saiba que não existe uma regra geral. Mas quem pratica o esporte diz que um grande diferencial é ter uma boa capacidade para ficar sem respirar, que é quando fica embaixo da água. 

Os equipamentos do hóquei subaquático

A gente chegou a falar um pouco da máscara, das nadadeiras e do stick. No entanto, não explicamos com detalhes. Então, vamos lá. A máscara de mergulho é para ter uma visão melhor embaixo da água e para proteger a face toda. 

Hóquei Subaquático - Saiba tudo sobre esse curioso esporte
Foto: (reprodução/internet)

Depois, tem a touca, que é para a proteção e para distinguir as equipes. Hoje em dia, usa-se o tubo na máscara, que permite que não seja necessário tirar o rosto todo da água para respirar. E tem a luva, usada só em uma mão, que serve para segurar o stick e identificar equipes. 

O stick é a única coisa que pode tocar no disco. Existem vários deles no mercado. Tem para destros ou canhotos, por exemplo. Eles também possuem cores. E o disco, que é envolto de borracha para não estragar a piscina, sempre tem que ficar no fundo da piscina. 

Para quem é esse esporte

Ele ainda não é olímpico e não tem Pan-Americano ou algo do tipo. Porém, já tem um mundial. Ainda assim, é considerado um esporte muito novo, o que faz com que ainda não seja indicado para quem quer se profissionalizar e ganhar dinheiro com ele.

No entanto, a recomendação é que seja uma opção para quem quer melhorar o preparo físico. Aliás, sobre a parte mais profissional do esporte, saiba que o Mundial de Hóquei Subaquático conta com 17 países. Em termos de clubes, são mais de 100 no planeta. 

Agora, além dos atletas, saiba que quem assiste também tem dificuldades. Justamente para ver as partidas. Afinal, o torcedor não tem uma noção clara do que acontece embaixo da água, mesmo quando há câmeras filmando.

Tem juiz no jogo?

Tem juiz no jogo sim. E, mesmo que ele tenha um pouco de dificuldade para ver cada lance, saiba que os 3 árbitros das partidas podem usar o bom e velho cilindro de ar. Assim, eles ficam embaixo da água o tempo todo durante a partida.

Hóquei Subaquático - Saiba tudo sobre esse curioso esporte
Foto: (reprodução/internet)

Então, quando existe alguma falta ou irregularidades, qualquer um deles pode fazer gestos com a mão para que um 4º juiz, que está fora da água, pare a jogada. Isso pode gerar alguma confusão no começo, mas é uma tentativa de manter a partida saudável. 

Claro que como em todo esporte, o treinamento para o hóquei subaquático costuma ser completo. Isso tem a ver com a parte física e a alimentação, além de fatores psicológicos, comportamentais e muito mais. De todo modo, cada Seleção ou Clube tem o seu técnico.

Desafios na arbitragem

O juiz tem muitos desafios para fazer uma arbitragem correta durante as disputas. Ainda, ele conta com piscinas especiais para ajudar a acompanhar os lances. Por isso, é necessário ter 4 juízes para ser uma competição justa.

Os últimos campeões do hóquei subaquático

Há 2 anos, a Seleção Feminina da Colômbia ganhou destaque no mundo por ter ficado com o bronze no 20º Campeonato Mundial de Hóquei Subaquático, que aconteceu em Quebec, Canadá. Isso foi histórico para a América, já que apenas europeus costumam dominar o pódio.

Hóquei Subaquático - Saiba tudo sobre esse curioso esporte
Foto: (reprodução/internet)

Durante as partidas iniciais, elas venceram a Grã-Bretanha, que é um dos países que mais praticam o esporte. Depois, a África do Sul e a Argentina. Também passaram pela Espanha e pela Holanda, que são outras referências do esporte. 

Antes de chegar às semifinais, que foi quando perderam para a Grã-Bretanha, ainda venceram os Estados Unidos. Já no jogo que valia o bronze venceram, de novo, a África do Sul. 

Curiosidade – o Rugby Subaquático

E já que comentamos aqui sobre um esporte estranho que acontece embaixo da água, que tal se a gente falar que o rugby também tem essa variação? É isso mesmo e também tem mundial, viu. Só para contextualizar, os mesmos países citados acima são referências nesse esporte.

Aliás, algumas regras são as mesmas que citamos nessa matéria, seja com relação a metragem da piscina, tempo de duração das partidas, etc. No entanto, a gente sabe que tem diferenças, como a bola, que é redonda e feita de água salgada.

Uma das principais competições aconteceu em 2015, em Cali. Na ocasião, a Noruega foi a campeã do masculino e a Alemanha levou do feminino. Inclusive, eles trocaram os postos com a medalha de prata: Alemanha, prata no masculino, e Noruega, prata no feminino.

Os esportes subaquáticos

Como vimos acima, em dois exemplos, alguns esportes estão recebendo variações para serem praticados embaixo da água. Isso vem do inglês Underwater Sports. Assim, todos eles incluem equipamentos para mergulho e estão relacionados a gol, tiros ou velocidade. 

Atualmente, porém, os mais famosos e disputados, inclusive, com campeonatos mundiais, são o hóquei e o rugby, que mencionamos acima. De todo modo, saiba que não se deve praticar nenhum deles sem fazer treinamentos com agentes profissionais e capacitados.