Mais uma semana, mais um recorde de Cristiano Ronaldo

O português se tornou o primeiro jogador desde a virada do século a vencer 400 jogos nas cinco principais ligas da Europa na noite de domingo, feito que conquistou graças à vitória da Juventus por 3-1 sobre o Gênova na Série A. Os bianconeri foram recuperados quatro minutos depois do primeiro jogo de Paulo Dybala.

ANÚNCIO

Coube a Ronaldo – que fazia sua 100ª partida pela Velha Senhora – marcar dois pênaltis, um dois que elevou seu placar para 14 em todas as competições nesta temporada. A Juventus já empatou tantos jogos que a vitória apenas a colocou em quarto lugar na tabela.

No entanto isso não é culpa do atacante, já que ele ainda marcou 10 gols nos sete jogos em que atuou, falhando alguns devido a doença e estando descansado para a Liga dos Campeões.

Mais uma semana, mais um recorde de Cristiano Ronaldo
Foto: (reprodução/internet)

Agora que as competições europeias estão fora do caminho até fevereiro, Andrea Pirlo não terá que ser tão parcimonioso e Ronaldo foi impiedoso na cobrança de pênalti contra o Gênova. E graças ao jogo no Stadio Luigi Ferraris a portas fechadas, pudemos ouvir exatamente o que foi dito entre os dois conjuntos de jogadores.

ANÚNCIO

Na cobertura da Premier League, isso geralmente provoca uma enxurrada de desculpas desesperadas dos comentaristas por linguagem imprópria, mas na Série A, os jogos mentais são um pouco mais engenhosos.

Leia também: Cristiano Ronaldo marcou dois pênaltis para garantir a vitória da Juventus

O goleiro do Gênova provocou Cristiano

Mattia Perin, primeiro tentou provocá-lo perguntando “central ainda?”, Ronaldo inicialmente não respondeu, mas depois gritou “Aonde você vai, Perin ?!” depois de atirar a bola para o fundo da rede.

ANÚNCIO

Na fase final, a lenda do Real Madrid e do Manchester United intensificou a cobrança de falta. Perin aparentemente sem ter aprendido a lição, pode ser ouvido gritando (via Gol): “Levanta, levanta, sem barreira, quero ver a bola”.

Mais uma semana, mais um recorde de Cristiano Ronaldo
Foto: (reprodução/internet)

Com os seus jogadores a não formarem uma barreira, Ronaldo optou então por um passe curto em vez de apontar para o golo, altura em que o apito final soou mesmo assim. Mas Perin vira o suficiente para zombar dele novamente, chamando-o de “assustador, hein? Por que você não chuta sem barreira?”

Tudo parecia muito natural, principalmente porque a rolha foi emprestada pelos campeões italianos. É seguro dizer que sabemos quem riu por último, no geral.

Veja também: Cristiano Ronaldo conquistou tudo o que há para vencer no futebol

Traduzido e adaptado por equipe Ao Vivo Esporte

Fontes: Give me sport e Reddit