Dylan Groenewegen foi banido por nove meses por causar acidente no Tour of Poland

ANÚNCIO

O ciclista Dylan Groenewegen foi banido por nove meses por causar o acidente que deixou Fabio Jakobsen em coma no Tour da Polônia.

O ciclista holandês Groenewegen desviou-se de sua linha antes de ele e Jakobsen colidirem perto da linha de chegada na primeira fase da corrida em 5 de agosto.

ANÚNCIO
Dylan Groenewegen foi banido por nove meses por causar acidente no Tour of Poland
Foto: reprodução/internet

Sua proibição será retroativa ao incidente e terminará em 7 de maio de 2021.

O piloto da Deceuninck-QuickStep Jakobsen disse mais tarde que estava “feliz por estar vivo”.

Ele passou uma semana na terapia intensiva e fez duas operações para reconstruir o rosto e a mandíbula, com mais agendadas para 2021.

Um porta-voz da Deceuninck-QuickStep disse à BBC Sport Jakobsen estava “se recuperando bem”.

ANÚNCIO

Em um comunicado, Groenewegen, 27, disse: “A queda na primeira fase do Tour da Polônia será para sempre uma página negra na minha carreira.

Groenewegen  está ciente que as consequência foram graves e que isso sirva de lição para os outros velocistas

“Acompanho de perto a notícia da recuperação do Fábio. Só espero que um dia ele volte completamente.

“Fechar a questão disciplinar cria clareza. Isso me dá a oportunidade de olhar para a frente novamente.”

Groenewegen, passou por uma cirurgia por conta do incidente. A cirurgia foi realizada na clavícula.

A UCI  informou também que o ciclista participaria de vários eventos para “benefício da comunidade do ciclismo”.

Saiba mais: Conheça os benefícios de andar de bicicleta

Traduzido e adaptado por equipe Ao Vivo Esporte

Fonte: BBC

ANÚNCIO