Remédios para emagrecer: entenda como usar de forma segura

ANÚNCIO

De acordo com uma pesquisa feita pelo Ministério da Saúde, 18,9% da população brasileira é obesa, ou seja um em cada 5 brasileiros estão com problemas de obesidade. Além disso, 54% da população está com o peso acima do ideal.

Acontece que, ter o peso considerado ideal vai além da estética, pois quando se usa essa palavra é levado em conta a saúde da pessoa, visando sua massa corporal. Vale dizer que a obesidade é uma doença crônica que pode trazer muitas complicações e desencadear outras enfermidades.

ANÚNCIO

Então, é preciso estar atento a algumas práticas para que se consiga alcançar esse peso ideal, caso seja necessário. Hoje existem alguns remédios que são usados neste processo, mas é importante que a pessoa conheça os efeitos de cada medicamento.

Remédios para emagrecer: entenda como usar de forma segura
Fonte: (Reprodução/internet)

Fique por aqui para conhecer um pouco mais sobre os remédios para emagrecer e veja quais são as formas seguras de usá-los.

Como usar os remédios para emagrecer

A maioria dos medicamentos que são usados para ajudar no processo de emagrecimento precisam ser receitados pelos médicos. Isso porque, todos eles podem ter efeitos colaterais e será importante acompanhar o processo para vê como cada corpo reage.

ANÚNCIO

Lembrando sempre que, existem medicamentos que não possuem uma comprovação científica de que realmente dão resultados. Então, vale dizer que esses que não precisam ser receitados e são aprovados pela Anvisa nem sempre surtem efeitos em todas as pessoas.

Ou seja, para tomar remédios para emagrecer é necessário procurar um médico, pois a decisão de começar a seguir esse caminho precisa ser tomada junto a um profissional que entenda do assunto.

Remédios para emagrecer

Agora que já ficou claro algumas recomendações iniciais sobre como usar esses remédios nada melhor do que exemplificar quais são esses medicamentos e seus efeitos no corpo de uma pessoa, certo? Então, veja abaixo 2 exemplos que são bem conhecidos.

Orlistat

Esse é um medicamento bem conhecido e que tem o efeito um pouco diferente dos demais. Ao invés de diminuir o apetite da pessoa ele irá fazer com que boa parte da gordura ingerida seja defecada junto com as fezes.

Então, ele é recomendado para pessoas que possuem dificuldade em perder gordura mesmo estando se exercitando e até mesmo tomando outros remédios. Vale lembrar, que o medicamento pode fazer efeito entre 24 a 48 horas depois que for ingerido.

Também é importante informar que esse remédio pode gerar alguns efeitos colaterais como diarreias e desconfortos intestinais. No entanto, esse efeito só será sentido se a pessoa ingerir uma quantidade muito grande de gordura.

Sibutramina

A Sibutramina é um dos medicamentos mais conhecidos no tratamento contra a obesidade e compulsão alimentar. Isso porque, ele ajuda a diminuir o apetite da pessoa aumentando a sensação de satisfação quando as refeições são feitas.

É extremamente importante que ele só seja tomado com um acompanhamento médico, pois existem muitas contraindicações. Por exemplo, pessoas que sofrem com problema de ansiedade não poderão tomar este medicamento.

Veja abaixo um vídeo onde um médico irá explicar um pouco melhor sobre todos os efeitos, resultados e contraindicações do Sibutramina.

Seja consciente

É sempre importante lembrar que esses medicamentos não serão como uma fórmula mágica, para que eles funcionem será necessário mudar a alimentação e começar a fazer exercícios físicos e buscar um acompanhamento médico com vários profissionais da saúde.

ANÚNCIO