Os maiores rivais da carreira de Michael Jordan

Michael Jordan é o maior nome da história do basquete. O jogador ganhou tudo o que disputou com o Chicago Bulls, se tornou lenda do esporte, e é até hoje lembrado e reverenciado pelo seu talento dentro de quadra, marcado por suas enterradas de outro mundo.

ANÚNCIO

Na década de 90, onde jogou a maior parte de sua carreira, Jordan acabou fazendo alguns rivais de peso durante sua trajetória, sendo que com alguns nomes o astro tinha uma relação de verdadeiro ódio, enquanto que com outros, ele cultivava uma amizade fora de jogo.

Os maiores rivais da carreira de Michael Jordan
Foto: (divulgação/site oficial do Chicago Bulls)

6 – Charles Barkley

Charles deu o azar de jogar na mesma época que Michael Jordan. Poderia ter conquistado alguns títulos durante sua carreira, mas por conta de Michael, acabou perecendo em grande parte das oportunidades que teve.

Os maiores rivais da carreira de Michael Jordan
Foto: (reprodução/cbssports.com)

Ambos nunca chegaram a alimentar uma rixa maior enquanto eram jogadores, mas seus duelos dentro de quadra sempre foram marcados por muita qualidade e uma vantagem de Michael Jordan durante os jogos importantes.

ANÚNCIO

Eles se enfrentaram 16 vezes nos playoffs, e Jordan venceu 12 desses duelos. Já na temporada regular, Barkley consegue levar vantagem, vencendo 20 vezes o astro do Bulls, que conta com uma vitória a menos.

Fim da amizade na aposentadoria

Os dois nunca se deram mal enquanto jogadores, tendo até mesmo dividido o vestiário durante o Dream Team. Porém, Jordan hoje é dono do Charlotte Hornets, e Barkley, comentarista esportivo, teceu algumas críticas que não foram bem vistas por Michael.

Os maiores rivais da carreira de Michael Jordan
Foto: (reprodução/bsktbrasil.com)

“Eu amo o Michael, mas ele simplesmente não tem feito um bom trabalho. Apesar de ele ser um dos meus melhores amigos, não posso chegar aqui e dizer que ele está fazendo um bom trabalho. Ele simplesmente não está e pronto”, disse ele em um programa da ESPN.

ANÚNCIO

Ainda acrescentou que se Michael quiser, ele tem seu número e pode ligar para ele. Porém, conhecendo o espírito de Michael Jordan, é bem improvável que o ex-jogador do Chicago Bulls vá se dobrar tão fácil assim.

5 – Clyde Drexler

Um dos maiores rivais de Jordan dentro de quadra foi Drexler. Apesar de ambos não se darem de fato mal, mas por conta de Clyde, o destino de Michael foi completamente diferente na liga. O Portland, que já contava com o jogador no elenco, dispensou o futuro astro do Bulls por conta disso.

Os maiores rivais da carreira de Michael Jordan
Foto: (reprodução/ca.nba.com)

O time entendia que, com Drexler no elenco, não precisaria de Jordan, escolhendo Sam Bowie no draft. Por conta disso, o Chicago Bulls teve caminho livre para contar com Michael, e o destino dessa parceria todos nós já sabemos.

Drexler não conseguiu vencer o campeonato enquanto pertencia ao Portland, só conquistando o torneio quando foi para o Rockets, onde fez dupla com Olajuwon, que foi a primeira escolha do draft de 1984, ano em que Jordan também estava entre os selecionáveis.

Jordan não gostou de ser comparado com Clyde

Em seu documentário, Michael Jordan deixou claro que não gostou de ser comparado com Drexler em 1992, quando ambos se enfrentaram na final. Michael entendeu aquilo quase como uma ofensa, e se enxergava como muito melhor do que seu rival.

Os maiores rivais da carreira de Michael Jordan
Foto: (Focus on Sport/Getty Images)

Drexler não quis entrar na polêmica, mas disse que não considera Michael Jordan o melhor de todos os tempos. Além disso, também colocou LeBron James no meio, dando a entender que já existiram jogadores que fizeram mais pelo esporte do que eles:

“Eu tenho um problema real com isso, porque dentre todos os jogadores que jogaram, você não pode considerar esses dois como GOATs (sigla para “maior de todos os tempos”) quando você tem Wilt Chamberlain e Kareem Abdul-Jabbar, dois dos maiores jogadores que já jogaram”, disse ao The A-Team do Sports Talk.

4 – Magic Johnson

Quando o jovem Michael Jordan fez sua estreia na NBA, as duas equipes que dominavam o cenário eram o Boston Celtics e o seu maior rival, Los Angeles Lakers. Magic Johnson, armador do Lakers, era visto como o melhor jogador da liga até ali.

Os maiores rivais da carreira de Michael Jordan
Foto: (reprodução/news.cgtn.com)

Jordan era visto como um jogador de talento sem igual, mas por não conseguir conquistar um título, ainda não poderia ser colocado no mesmo patamar de Magic e Bird. Por coincidência, a primeira conquista de Michael veio justamente contra o Lakers, em 1991.

Apesar da rivalidade criada entre ambos dentro de quadra, os dois sempre se deram muito bem fora delas, com Magic não poupando elogios ao talento eminente que estava surgindo ali. O confronto entre ambos conta com 11 vitórias de Jordan e 7 de Johnson.

Magic foi o responsável por gesto icônico de Jordan

Quando Jordan enfrentou o Portland, na final de 1992, o astro fez um gesto de encolher os ombros, adotando uma postura de quem dizia “está vendo o que posso fazer?” em direção a Magic. Depois disso, Johnson teve que explicar que aquilo não passava de uma brincadeira de ambos.

Os maiores rivais da carreira de Michael Jordan
Foto: (Mike Blake/Reuters)

No dia anterior ao jogo, ambos estavam jogando cartas com o pai de Jordan, e Magic havia acabado de vencer uma partida contra Michael, que não gostava de perder. Depois de ir embora, Michael teve de encontrar um jeito de dizer que era o melhor que existia ali.

“Ele estava se virando para mim. Ele estava tão quente naquela noite, então ele me devia muito porque eu era a pessoa com quem ele estava com raiva. Por isso, ele jogou daquele jeito no dia seguinte no jogo”, contou Magic, que parece conhecer bem o comportamento competitivo do amigo.

3 – Larry Bird

Larry Bird é um dos maiores jogadores da história do basquete, e é um dos ídolos máximos do Boston Celtics. Sua rivalidade com Jordan não foi alimentada por polêmicas, pois os dois cultivavam até certa amizade, graças ao conjunto formado no Dream Team.

Os maiores rivais da carreira de Michael Jordan
Foto: (reprodução/YouTube)

O time de Larry Bird conseguiu eliminar o Chicago Bulls em duas ocasiões: 1986 e 1987. O grande problema é que Jordan nunca conseguiu dar o troco, já que quando conseguiu fazer parte de um time competitivo, o Celtics já estava em decadência.

Nunca mais voltaram a se enfrentar em quadra. Bird conta com 23 vitórias contra Jordan, enquanto Michael tem 11 em cima de seu rival. Larry pode se gabar de ser um dos poucos que saiu realmente na vantagem no duelo contra o grande astro do basquete.

Bird já comparou Jordan a Deus

Na temporada 1985-1986, o Boston Celtics era um dos grandes favoritos ao título, e acabou esbarrando com o Chicago Bulls durante os playoffs. O duelo ficaria marcado como uma das maiores apresentações de um jogador na história do basquete

Os maiores rivais da carreira de Michael Jordan
Foto: (Andy Holt/Getty Images)

O primeiro jogo da série contou com uma vitória fácil do Boston, mas no segundo, Jordan não deixaria isso acontecer novamente. O astro anotou nada menos do que 63 pontos em um único jogo de playoff, recorde que não foi alcançado até hoje.

Larry Bird, principal jogador do Celtics no ano, ao comentar o ocorrido para o The Boston Globe, disse que “é apenas Deus disfarçado de Michael Jordan”. Apesar de ser mais velho, o astro celta nunca escondeu sua admiração pelo jovem talento do Chicago Bulls.

2 – Karl Malone

Karl Malone foi um dos jogadores que mais deram trabalho para Michael Jordan em quadra. O ala-pivô, junto de Jordan, ocupava o posto de melhor jogador da NBA no fim da década de 90, inclusive levando o prêmio de MVP para casa em 1997 e 1999.

Os maiores rivais da carreira de Michael Jordan
Foto: (reprodução/espn.com.br)

O astro jogou quase toda sua carreira no Utah Jazz, e em termos de qualidade, talvez tenha sido o maior adversário que Michael teve em toda a sua carreira. As finais de 1997 e 1999 foram disputadas entre ambos, com os dois resultados sendo favoráveis ao Chicago Bulls.

Jordan não gostou nem um pouco de não ter ganho o prêmio de MVP de 1997, o que criou certa rixa entre eles, mas isso nunca saiu de quadra. Em confrontos diretos, Michael venceu Malone em 19 ocasiões, enquanto Karl conseguiu 15 vitórias contra o seu rival.

Karl Malone não gostou do que viu em documentário

Lançado recentemente, The Last Dance mostrou a história do Chicago Bulls depois da chegada de Jordan. No entanto, alguns jogadores se mostraram incomodados com o que foi apresentado ali, e um deles foi Karl Malone.

Os maiores rivais da carreira de Michael Jordan
Foto: (reprodução/cleveland.com)

Eu tenho o maior respeito por Michael. Mas nunca achei que estava jogando contra o Michael Jordan, mas sim estava jogando contra o Chicago Bulls. Todos dizem que ele era um tipo maldoso. E eu respeito isso”, disse o jogador em um primeiro momento, após completar com:

“Mas vou dizer uma coisa: eu também era um filho da p… É como eu o recordo e é como sou”, finalizou em entrevista dada à ESPN. Aparentemente, o ex-jogador não gosta de todos os holofotes estarem sempre centralizados em Jordan.

1 – Isiah Thomas

Isiah Thomas foi o grande algoz de Michael Jordan durante a carreira do astro. O jogador do Detroit Pistons tinha uma relação de verdadeiro ódio com o astro do Chicago Bulls, que também não gostava nem um pouco dele.

Os maiores rivais da carreira de Michael Jordan
Foto: (Andrew D. Bernstein/Getty Images)

O Pistons derrotou o Bulls e ganhou a disputa pelo título da conferência em 1990. Jordan só conseguiria dar o troco em 1991, quando venceu a conferência em cima de Isiah. Só que além disso, Thomas eliminou a equipe de Michael nas semifinais de 1988 e 1989.

A relação dos dois nunca foi boa, já que o time do Pistons batia em Jordan durante todo o jogo, desestabilizando a equipe de Chicago. Em confrontos diretos, Isiah venceu o astro 36 vezes, enquanto que Michael tem apenas 29 vitórias contra seu maior rival.

Polêmica no Dream Team

Isiah era um dos jogadores mais talentosos de sua geração, e sua convocação para o Dream Team era esperada por todos os torcedores. No entanto, não foi isso que aconteceu, e aparentemente, isso foi culpa de Michael Jordan.

Os maiores rivais da carreira de Michael Jordan
Foto: (Guyism.com)

Os dois astros não gostavam um do outro de forma bem aberta, e Jordan, teoricamente, teria barrado a convocação de Isiah para as Olimpíadas, por entender que seu rival acabaria estragando o clima de vestiário da equipe.

A polêmica é muito bem apresentada no documentário The Last Dance, disponível na Netflix. A verdade é que Jordan até hoje nega que fez isso, mas também é fato que Isiah não foi convocado mesmo sendo um dos melhores da época.

ANÚNCIO