Flamengo vence Emelec para a alegria da torcida

Com a desvantagem de dois gols, Flamengo vence Emelec e consegue, com o apoio da torcida, avançar na Libertadores. Com um placar de 4 a 2 nos pênaltis, conquistou a vitória e, além disso, garantiu sua vaga nas quartas. Portanto, seu próximo desafio será enfrentar o Inter, que fez uma melhor campanha na primeira fase. No entanto, o primeiro jogo será no Maracanã, dia 21 de Agosto, e, o último, será no Beira Rio.

Com o primeiro tempo avassalador, o Flamengo venceu o Emelec no tempo normal. Com um placar de 2 a 0, a equipe não conseguiu manter o mesmo ritmo até o final do jogo. A vantagem do time Equatoriano era, sem dúvidas, muito boa. Haviam aberto um placar de 2 a 0 sobre o time rubro-negro, no Equador.

Flamengo vence Emelec e Rafinha faz gol de pênalti
Rafinha comemora gol marcado nos pênaltis. Foto por Conmebol divulgações.

Decisão por pênaltis

Nos pênaltis, o Flamengo conseguiu superar a desvantagem. Conquistou a classificação antes mesmo da última cobrança. Em outras palavras, teve um bom aproveitamento nas cobranças e garantiu a vitória em casa. O goleiro Diego Alves foi feliz, que pegando a cobrança de Arroyo deixou o Flamengo à beira da próxima fase. Queiroz acertou o travessão. Ou seja, consagrou a vitória do time brasileiro.

Desfalques na vitória do Flamengo sobre o Emelec

A equipe rubro-negra não contava com alguns jogadores devido à lesões nos jogos passados. Sem a presença do zagueiro Rodrigo Caio, o atacante Lincoln, o meia Diego e o atacante Vitinho, o time conquistou a vitória. O zagueiro Léo Duarte também ficou de fora, mas por motivos de negociação com o Milan. O uruguaio Arrascaeta começou no banco de reservas. No entanto entrou logo no início do segundo tempo.

Técnico da seleção brasileira no Maracanã

O técnico Tite e o coordenador foram ao maracanã acompanhar a partida. Além disso divulgará a lista para os próximos convocados no dia 16 de Agosto.

ANÚNCIO

Torcida vibrante

Apoiados com canções vibrantes e muita energia positiva, os jogadores começaram o jogo a mil. Entretanto, logo no início, o lateral Rafinha, do Flamengo, recebeu cobrança de escanteio, entrou na área, disputou com Bagüi e caiu. O árbitro marcou pênalti e Gabriel Barbosa, o Gabigol, abriu o placar para o time da casa cobrando o pênalti no canto esquerdo do goleiro, que pulou para o lado contrário.

Flamengo vence Emelec no Maraca

Com a inspiração da torcida, os jogadores marcaram o segundo gol, que saiu aos 18 do primeiro tempo. Bruno Henrique se beneficiou com a falha da zaga tocando para trás, e Gabigol aproveitou a chance ampliando o placar. Logo após, o time diminuiu o ritmo e conseguiu dominar a partida até o fim do primeiro tempo.

Perdidos no segundo tempo

A segunda parte do jogo começou com a equipe visitante mais agressiva, deixando os jogadores do Flamengo perdidos. Sem encontrar ritmo de jogo, as coisas foram complicando e, consequentemente, deixando a torcida com os nervos à flor da pele. Depois disso, o técnico do Flamengo, Jorge Jesus, optou por uma mudança. Trocou Everton Ribeiro por Arrascaeta, ou seja, tentou ditar o ritmo de jogo novamente. Além dos inúmeros jogadores lesionados, Gabigol também sentiu a coxa e começou a mancar durante o segundo tempo e, de fato, perdeu o nível de jogo, sendo necessária a substituição pelo garoto Reinier de apenas 17 anos, que fez sua estreia no profissional.

ANÚNCIO