Flamengo: conheça a história por trás dos títulos

ANÚNCIO

Este fim de semana, quem torce para o Flamengo ficou, como diria o ditado, “feliz igual pinto no lixo”. E não é para menos, ele ganhou dois títulos no mesmo fim de semana, foi festa, fogos de artifícios e, como não poderia faltar para o brasileiro, memes enchendo a internet.

Libertadores e Brasileirão no mesmo fim de semana, dois títulos assim, ao mesmo tempo, é algo bem raro de se acontecer. Tanto que não acontecia desde 1963. Se prepare, afinal, essa semana você deve ver o uniforme e bandeira do flamengo em quase todo canto.

ANÚNCIO

De fato, a venda de camisas do flamengo, em relação ao ano passado, “só” triplicou. Isso deve estar deixando a diretoria do clube bem feliz, dinheiro entrando no caixa é sempre bom né?

Flamengo
Fonte: Imagem Internet

Mas, você sabe a história do time com uma das maiores torcidas do mundo? Sabe a história do flamengo?

Início

Acha que o Flamengo surgiu como um time de futebol? Na verdade não, ele surgiu por conta do remo, que era muito popular durante o século XIX. Nessa época, não era pro futebol que os homens se reuniam nos finais de semana, era pro remo.

ANÚNCIO

E quem diria, o Flamengo surgiu com jovens tentando chamar a atenção das mulheres. Na época, as mulheres ficavam suspirando pelos remadores do botafogo.

Assim, em 1895, José Agostinho Pereira da Cunha, Mário Espíndola, Augusto de Figueira Lopes e Nestor de Barros se reuniram para estruturar a equipe. Compraram o barco e parecia tudo indo “vento em polpa”.

Reformaram o barco, e começaram a ganhar diversos campeonatos. Só que não, depois de reformada, a embarcação virou em sua estréia e ainda foi roubada logo depois.

Brasileiro não desiste nunca, e em 17 de novembro de 1985, já com outra embarcação comprada, foi feita uma reunião, que elegeu Domingos Marques de Azevedo como Presidente, Nestor de Barros como Secretário, Francisco Lucci Colás como Vice-Presidente e Felisberto Cardoso Laport como Tesoureiro.

Além dos cargos, em homenagem ao dia da proclamação da república, foi decidida a data oficial da fundação, dia 15 de novembro de 1985. No começo, não tinha nada de rubro-negro, afinal, as cores eram azul e dourado.

Só que manter o azul e dourado era caro, o que fez as cores mudarem para uma camisa preto e branco e bermuda preta com um cinto branco. Só um pouco diferente da atualidade.

Só em 1911 que o Flamengo começou a ter futebol também, tudo por que o time do Fluminense se desentendeu com a diretoria do clube e acabou ficando sob a tutoria do Flamengo. E pensar que nessa época, nem um lugar adequado para treinamento ele possuía.

Desde então o clube foi crescendo e ganhando diversos títulos.

Histórico:

Não só de Jorge Jesus vive o Flamengo. Olha alguns títulos que ele já ganhou no decorrer da história:

  • Brasileirão – 1980, 1982, 1983, 1987 (há controvérsias), 1992, 2009 e 2019;
  • Campeonato da Capital – 1991;
  • Carioca – 1914, 1915, 1920, 1921, 1925, 1927, 1939, 1942, 1934, 1944, 1953, 1954, 1955, 1963, 1965, 1972, 1974, 1978, 1979, 1981, 1986, 1991, 1996, 1999, 2000, 2001, 2004, 2007, 2008, 2009, 2011, 2014 e 2019;
  • Copa do Brasil – 1990, 2006 e 2013;
  • Copa dos Campeões – 2001;
  • Copa dos Clubes Brasileiros Campeões Mundiais – 1997;
  • Copa Mercosul – 1999;
  • Copa Ouro Sul-Americana – 1996;
  • Mundial Interclubes – 1981;
  • Torneio Aberto do Rio de Janeiro – 1936;
  • Taça Estado do Rio de Janeiro – 1991;
  • Taça Guanabara – 1970, 1972, 1973, 1978, 1979, 1980, 1981, 1982, 1984, 1988, 1989, 1995, 1996, 1999, 2001, 2004, 2007, 2008, 2011 e 2014;
  • Taça Libertadores – 1981 e 2019;
  • Taça Rio de Janeiro – 1978, 1983, 1985, 1986, 1991, 1996, 2000, 2009 e 2011;
  • Torneio do Povo – 1972;
  • Torneio Extra do Rio de Janeiro – 1934;
  • Torneio Relâmpago do Rio de Janeiro – 1943; e
  • Torneio Rio-São Paulo – 1961;

Resultados econômicos do Flamengo

Que o Flamengo está em uma de suas melhores fases, é inegável. A equipe conseguiu, em um único final de semana, dois títulos, isso sem nem entrar em campo para ganhar o segundo.

Não foi apenas status que essas vitórias trouxeram, a venda de camisas do Flamengo triplicou em 2019, em relação a 2018, além disso, a Libertadores trouxe R$ 85 milhões, o Brasileirão trouxe R$ 33 milhões e o mundial, em caso de vitória, R$ 21 milhões de retorno.

É, parece que não só os torcedores que estão felizes, agora, só o tempo dirá se a diretoria fará bom uso desses recursos.

ANÚNCIO